Notcias

Circulares

Rádio Goiás Cooperativo

2018 2017 2016 2015 2014 2013

Últimas notícias

Buscar

Notícias

BB ofertar R$ 12 bi para pr-custeio da safra

18/01/2017

Banco do Brasil se prepara para ofertar a partir desta semana um volume de R$ 12 bilhões em recursos para ofinanciamento do chamado précusteioda próxima safra, a 2017/18, que começa oficialmente em 1º de julho deste ano. O anúncio deve ser feito na quinta-feira pelo presidente Michel Temer, que avalia divulgar os recursos em cerimônia no Palácio do Planalto ou em um grande polo do agronegócio. Outras medidas para animar a economia como mais recursos de crédito e ações de desburocratização para micro e pequenos empresários também vêm sendo estudadas pelo governo Temer.

O montante a ser ofertado para o pré-custeio da safra 2017/18 é 16,5% superior aos R$ 10,3 bilhões garantidos pelo BB em 2016 para o pré-custeio da safra atual, que se encerra em 30 de junho. "O momento é bom, a safra está sendo muito boa, não há sinalização de problemas maiores com preços, e vemos que háapetite para o crédito rural. E naturalmente o produtor já pensa na próxima safra, então resolvemos antecipar esses R$ 12 bilhões para o pré-custeio", disse ao Valor o vice-presidentedo BB, Tarcísio Hubner. "Estamos trabalhando para a partirde quinta liberarmos esses recursos", acrescentou.

Os recursos serão destinados tanto a produtores de porte médio, no âmbito da linha Pronamp com taxas de 8,5% ao ano,como a grandes agricultores, dentro da modalidade tradicional de custeio agropecuário, operada a 9,5% ao ano. De acordo com Hubner, os R$ 12 bilhões fazem parte dos recursos do Plano Safra 2016/17, à disposição do banco com base em fontes de recursos como depósitos à vista e captações com poupança rural. Esses financiamentos para pré-custeio rural geralmente são utilizados pelos agricultores para antecipar a compra de insumos como fertilizantes e defensivos e são tomados no primeiro semestre, normalmente a partir de março. Desde o ano passado, porém, o BB vem antecipando a alocação desses recursos para janeiro em estratégia conjunta com o governo. Em 2016, o montante, estimado inicialmente em R$ 10 bilhões para o pré-custeio do ciclo 2016/17, foi disponibilizado a partir de uma engenharia financeira montada pelo governo da expresidente Dilma Rousseff para ampliar o volume de recursos no crédito agrícola sem dispêndio de subsídios. Um ano antes, o BB não conseguira ofertar o pré-custeio em meio a sinais mais evidentes da crise econômica e ao esgotamento das fontes tradicionais de crédito rural. Na semana passada, a Caixa já havia anunciado que vai ofertar R$ 6 bilhões também para financiar o précusteiode safraagrícola 2017/18.

Fonte: Valor

Galerias

Cooperativas

Use o campo abaixo para buscar cooperativas. Buscar

Boletins

Cadastre seu email e receba nossos boletins.
Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: