Dia C

Sobre o DIA C GOIÁS

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prêmio de Jornalismo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Vídeos sobre Ética

Vídeos sobre ética

Novo prédio OCB/GO

Novo prédio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criança

Conheça a campanha

OCB/GO 60 Anos

60 anos de História

Código de conduta ética

Conheça o Código de conduta ética

Portal de Negócios

Conheça o Portal de Negócios

Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Cooperativismo Ilustrado

Confira todos Infocoops

Notícias

Câmara de Goiânia propõe a semana do Cooperativismo

08/07/2020
camara1-1652310.jpg


O vereador Denício Trindade (MDB) apresentou projeto de lei que, aprovado na Câmara de Goiânia, institui a Semana do Cooperativismo na capital, a ser comemorada sempre na semana que antecede o Dia Internacional do Cooperativismo, celebrado no primeiro sábado de julho de cada ano. “O cooperativismo vem evoluindo em sua trajetória, contribuindo para gerar riquezas, empregos e prosperidade nas regiões em que atua. Mas, além do aspecto econômico, as cooperativas pautam a sua atuação em princípios e valores que as distinguem de outros segmentos. E um deles, muito importante e que está cada vez mais em evidência, especialmente neste momento de pandemia que vivemos, é o seu interesse pela comunidade”, justifica o vereador.

Denício Trindade lembra que o cooperativismo é um movimento de mais de 170 anos e, hoje, está presente em 150 países, com 3 milhões de cooperativas, 1,2 bilhão de cooperados e 280 milhões de colaboradores. No Brasil, segundo dados da OCB nacional, são 6,8 mil cooperativas, que empregam mais de 425 mil pessoas e reúnem cerca de 15 milhões de cooperados. Goiás possui, atualmente, 226 cooperativas, mais de 235 mil cooperados e mais de 12 mil colaboradores diretos.  “Em função da relevância do segmento em todo o mundo, o Dia Internacional da Cooperação tem sido comemorado anualmente, desde 1923, no primeiro sábado de julho”, frisa o vereador.

O parlamentar lembra também que o Dia de Cooperar (Dia C) é o maior movimento de incentivo a ações sociais voluntárias do País. “É realizado pelo cooperativismo brasileiro e goiano, ao longo do ano, nas comunidades onde está inserido. As cooperativas trabalham para dar sustentabilidade às suas regiões e contribuir para uma realidade mais equilibrada e justa”, enfatiza Denício Trindade.

Presidente do Sistema OCB/GO, Luís Alberto Pereira afirma que o projeto de lei apresentado por Denício Trindade vai além do reconhecimento das ações econômicas e sociais que o cooperativismo exerce em Goiânia e em todo o Estado. Também incentivará a realização de novos projetos pela OCB/GO. “Acreditamos que será aprovado pela Câmara e sancionado pelo prefeito da nossa capital. No início deste ano, começamos a desenvolver projetos para fomentar e difundir o cooperativismo em Goiás, principalmente a partir dos municípios. Tivemos de adiá-los ou adaptá-los, devido a esse momento de pandemia da Covid-19, mas certamente vamos implantá-los o mais breve possível, especialmente em 2021, com destaque para ações durante a Semana do Cooperativismo”, diz. 

Segundo Luís Alberto, o modelo econômico e social do cooperativismo é comprovadamente um dos mais eficazes para a retomada da economia e para essa nova realidade que se desenha no mundo. “No nosso modelo econômico, a ajuda mútua, o compartilhamento de resultados e o interesse pela comunidade são mais do que intenções ou ações circunstanciais. São princípios universais praticados por 1,2 bilhão de cooperados no mundo, quase 15 milhões no Brasil e cerca de 250 mil em Goiás. Quando estamos no olho do furacão, como agora, parece difícil saber o que vem após a tempestade. Entretanto, quem está no cooperativismo consegue enxergar melhor o novo horizonte. Basta observarmos o cenário atual para percebermos isso mais claramente. Muitas das ações difundidas no mercado e na sociedade, hoje, são praticadas pelo nosso setor há mais de um século, já fazem parte do nosso DNA. É a intercooperação, a economia solidária, compartilhada e colaborativa”, enfatiza.


Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: