Notícias

Campanha da Unimed Goinia lembra luta das mulheres

08/03/2017
unimed-goiania-dia-da-mulher-bicicletas-com-flores-e-jornais-715191514.PNG


Todas as bicicletas compartilhadas em Goiânia, que fazem parte do Projeto DeBike, amanheceram com suas cestas cheias de flores, embrulhadas em jornais com manchetes sobre a desigualdade de gênero e violência contra a mulher. A ação especial preparada pela Unimed Goiânia para o Dia Internacional da Mulher teve o intuito de lembrar que a data, 8 de março, não é apenas de homenagens, mas de luta contra a desigualdade e a violência.

No Brasil, um caso de violência contra a mulher é registrado a cada sete minutos e, a cada onze minutos, uma mulher é estuprada. O reflexo da discriminação também está no mercado de trabalho: elas chegam a ganhar 30% menos que os homens para executar a mesma função. São diversos os números que comprovam a desigualdade e que não podem ser ignorados.

"Por mais que seja uma singela homenagem dar uma flor para uma mulher no seu dia, pensamos que, nos tempos atuais em que observamos um fortalecimento da luta feminista em diversos países, precisamos avançar também na forma de celebrar essa data. O 8 de março não é dia de festa, as mulheres estão nos dizendo que é dia de luta, de lutar por direitos, de combater o machismo, de vencer a desigualdade. Por isso, a cooperativa optou por um ação que contribua na conscientização, sem deixar de lado, no entanto, a flor", explica o diretor de Mercado da Unimed Goiânia, Sérgio Baiocchi Carneiro.

Fonte: Assessoria de Comunicação Unimed Goiânia

Galerias

Cooperativas

Use o campo abaixo para buscar cooperativas. Buscar

Boletins

Cadastre seu email e receba nossos boletins.
Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: