Dia C

Sobre o DIA C GOIÁS

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prêmio de Jornalismo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Vídeos sobre Ética

Vídeos sobre ética

Novo prédio OCB/GO

Novo prédio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criança

Conheça a campanha

OCB/GO 60 Anos

60 anos de História

Código de conduta ética

Conheça o Código de conduta ética

Portal de Negócios

Conheça o Portal de Negócios

Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Cooperativismo Ilustrado

Confira todos Infocoops

Notícias

Cooperativismo é ferramenta no desenvolvimento das regiões de Goiânia, diz Alysson Lima

16/10/2020
alysson-lima-19141175.jpeg


O candidato Alysson Lima, representante nas eleições municipais do Partido Solidariedade, conheceu a sede da OCB/GO, nesta sexta-feira (16), dentro da agenda política promovida pela entidade para apresentação das propostas do cooperativismo para o desenvolvimento das cidades.

Ele afirmou, em seu encontro com o presidente da OCB/GO, Luís Alberto Pereira, que seu plano de governo contempla a criação de polos regionais de desenvolvimento e se comprometeu em incentivar o cooperativismo. "Essa visita traz um horizonte bacana, uma expectativa de que, se chegarmos à prefeitura, e acreditamos que temos tudo para poder chegar, o cooperativismo também vai ser introduzido na gestão pública municipal. Vamos aproveitar essa expertise que a OCB/GO tem e trazer muitas coisas para o ambiente da estrutura administrativa municipal", disse. 

Alysson Lima diz ter a visão de industrializar a região Noroeste de Goiânia, com grande auxílio da ferramenta do cooperativismo. "Hoje, nós temos cerca de 300, 400 confecções. E, se esses instrumentos forem utilizados de uma maneira mais intensa, aproveitando o potencial da OCB/GO, em parceria com a prefeitura, várias regiões de Goiânia podem se desenvolver. Então, eu extraio de uma visita como essa um aprendizado maravilhoso e a expectativa de que, em breve, a Prefeitura de Goiânia possa ser ainda mais parceira da OCB/GO", aponta.

O candidato da Unidade Popular acredita que também seja possível levar a experiência do cooperativismo para o transporte por aplicativo, segmento em que trabalha. “Temos acompanhado, em nível nacional, a tentativa dos motoristas de desenvolver um aplicativo próprio. Existem várias dificuldades, mas acreditamos que é o futuro, pois não faz sentido que um modelo que é essencialmente cooperativo exista com base num modelo hierárquico, que não condiz com a realidade dos trabalhadores”, analisa.

Oportunidade
Para o presidente da OCB/GO, os encontros que a entidade vem promovendo com os candidatos a prefeitos e vereadores é uma oportunidade ímpar de mostrar a eles um pouco mais do cooperativismo. "Assim podemos apresentar a nossa vontade de ser parceiros deles na futura gestão, tanto na questão do cooperativismo em si, de apoio e formação de novas cooperativas, quanto na formação profissional. Além disso, também temos recolhido sugestões dos candidatos", informa.

Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: