Notícias

Boletim Goiás Cooperativo

Clipping Nacional

Flash Cooperativo

Circulares

Rádio Goiás Cooperativo

Rádio Goiás Cooperativo

Rádio Goiás Cooperativo/Interior

Podcasts

Releases

Cooperativismo Ilustrado

Vdeos

Central da Marca

Canais de Comunicao

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prmio de Jornalismo

1 Prmio de Jornalismo Gois Cooperativo

Museu Virtual Gois Cooperativo

Museu Virtual Gois Cooperativo

Vdeos sobre tica

Vdeos sobre tica

Novo prdio OCB-GO

Novo prdio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criana

Conhea a campanha

OCB-GO 60 Anos

60 anos de Histria

Cdigo de conduta tica

Conhea o Cdigo de conduta tica

Portal de Negcios

Conhea o Portal de Negcios

Prmio de Jornalismo Gois Cooperativo

1 Prmio de Jornalismo Gois Cooperativo

Notícias

Governo define metas para aumentar a competitividade de Gois

27/01/2016
edit1a-0131987.jpg


Goiás deverá chegar em 2018 entre os Estados com o maior saldo de empresas legalizadas e novos empreendedores inseridos no mercado formal do País. A meta foi apresentada hoje ao governador Marconi Perillo, durante evento no 10° andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, como parte dos objetivos a serem trabalhados pela equipe econômica do governo nos próximos dois anos, dentro do Goiás Mais Competitivo.

O programa tem como objetivo colocar o Estado entre os cinco mais competitivos do País. O presidente do Sistema OCB/SESCOOP-GO, Joaquim Guilherme Barbosa de Souza, participou do enconto como liderança cooperativista e empresarial. 

Pelas metas do programa, são previstas a abertura de 45 mil novas empresas e 150 mil novos empreendedores legalizados até 2018. Para isso, uma equipe governamental interdisciplinar vai trabalhar com o desenvolvimento de ações em quatro eixos: Ação de Governança, para promover a articulação entre os atores envolvidos; Ambiente, com medidas que visam rapidez na vistoria de registro mercantil; Capacitação, e Crédito.

Marconi avaliou o cumprimento dessas metas estabelecidas como um antídoto contra a crise. “A crise econômica começa a apresentar sua face mais cruel: desemprego. Achávamos que não íamos viver isso. Mas quando a Votorantim fecha de forma provisória empregos em Niquelândia, percebemos que esta é a face mais cruel da crise e para a qual precisamos de respostas. O Goiás Mais Competitivo tem essa finalidade também, de servir de antídotos para enfrentarmos a crise”, destacou.

A execução do projeto ficará a cargo da Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg), órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED), com suporte técnico e monitoramento da Secretaria de Planejamento (Segplan). O presidente da Juceg, Rafael Lousa, disse que o cumprimento destas metas visa ainda criar uma agenda positiva para o Estado. “Goiás está olhando para a frente, com esta agenda positiva. Vemos na crise uma oportunidade de crescer”, avaliou.

Lousa explicou que a intenção é democratizar as oportunidades de empreendedorismo. “Vamos criar uma rede de atuação integrada por governo, entidades de classe que darão suporte aos empreendedores de 11 regionais do Estado, além de instalar o Redesimples (programa que permite a abertura de empresas em curto prazo) em 55 municípios goianos que, juntos, representam 90% da abertura de novas empresas. Vamos desenvolver todas estas ações para atingir nossas metas”, observou.

O vice-governador e secretário de Desenvolvimento, José Eliton, por sua vez, disse que a construção de todas as ações contará com a participação de parceiros, como Sebrae, e entidades de classe e do meio empresarial. “Todo o processo será submetido a uma consulta pública”, afirmou.

O governador Marconi Perillo frisou à equipe o compromisso para cumprir as metas com o objetivo de não frustrar expectativas. “Os desafios estabelecidos no Inova e no Goiás Competitivo são fundamentais se quisermos enfrentar a crise e sair na frente. Por isso confio no trabalho de todos vocês. É importante lembrar uma frase de Thomas Edison: Boa sorte acontece quando unimos oportunidade e planejamento”, destacou.

Fonte: Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás

Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: