Dia C

Sobre o DIA C GOIÁS

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prêmio de Jornalismo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Vídeos sobre Ética

Vídeos sobre ética

Novo prédio OCB/GO

Novo prédio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criança

Conheça a campanha

OCB/GO 60 Anos

60 anos de História

Código de conduta ética

Conheça o Código de conduta ética

Portal de Negócios

Conheça o Portal de Negócios

Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Cooperativismo Ilustrado

Confira todos Infocoops

Notícias

Lissauer Vieira apresenta proposta para desenvolver o cooperativismo no estado

26/10/2021
alego-ocb-5185215-87101619.png


O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Lissauer Vieira (PSD), protocolou na Casa o projeto de lei nº 8131/21, com o intuito de instituir a Política Estadual do Cooperativismo em Goiás. A medida consiste no conjunto de diretrizes e regras voltadas para o incentivo à atividade cooperativista e ao seu desenvolvimento no estado. O projeto apresentado já é um desdobramento da reunião realizada em setembro entre o presidente do Sistema OCB/GO, Luís Alberto Pereira e o deputado estadual, na qual ele recebeu das mãos do líder da Casa do Cooperatvismo Goiano a proposta da Nova Política Estadual do Cooperativismo.

Na matéria apresentada na Alego, Lissauer explica que essa política terá como finalidade o conjunto de atividades exercidas pelo Poder Público e pela iniciativa privada que venham a beneficiar direta ou indiretamente todos os ramos do setor cooperativista na promoção do desenvolvimento social, econômico e cultural, reconhecido seu interesse público, nos termos do § 3° do art. 136, da Constituição do Estado de Goiás.

Para isso, diz o texto, as cooperativas deverão estar constituídas de acordo com as exigências da legislação federal e devidamente registradas na Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), de acordo com a Lei Federal n° 5.764, de 16.

Ainda, o Poder Público estimulará o cooperativismo por meio das seguintes diretrizes:

I - Criação de instrumentos e mecanismos que estimulem o contínuo crescimento das atividades cooperativistas de Goiás;
II - Apoio técnico e operacional ao cooperativismo de Goiás, promovendo, quando couber, parceria operacional para o desenvolvimento do sistema cooperativista;
 III - Estímulo à forma cooperativa de organização social, econômica e cultural nos diversos ramos de atuação, com base nos princípios gerais do cooperativismo e da legislação vigente;

O presidente da Casa reforça, também, que, dentre as atividades previstas no projeto, está a criação de instrumentos e mecanismos que estimulem o contínuo crescimento das atividades cooperativistas no estado.

Fonte: com informações da Agência Assembleia de Notícias

Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: