Dia C

Sobre o DIA C GOIÁS

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prêmio de Jornalismo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Vídeos sobre Ética

Vídeos sobre ética

Novo prédio OCB/GO

Novo prédio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criança

Conheça a campanha

OCB/GO 60 Anos

60 anos de História

Código de conduta ética

Conheça o Código de conduta ética

Portal de Negócios

Conheça o Portal de Negócios

Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Cooperativismo Ilustrado

Confira todos Infocoops

Notícias

OCB/GO chega aos 66 anos celebrando conquistas institucionais e do cooperativismo goiano

30/09/2022
whatsapp-image-2022-09-30-at-16-816977.jpeg


A OCB/GO (Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado de Goiás) completa 66 anos neste domingo, 2 de outubro. E os motivos para celebrar são muitos. O atual momento da entidade, juntamente com o cooperativismo goiano, é de expansão. Os números divulgados no recente Anuário do Cooperativismo, da OCB Nacional, comprovam que o cooperativismo em Goiás deu um salto de crescimento nos últimos 10 anos. As cooperativas goianas tiveram em 2021 uma receita somada superior a R$ 21 bilhões. É um faturamento 301,7% maior que o registrado dez anos antes, em 2011, quando somou R$ 5,2 bilhões.  

Para o presidente do Sistema OCB/GO, Luís Alberto Pereira, a entidade chega aos 66 anos cumprindo seus objetivos institucionais, mas apresentando uma nova feição, focada em desenvolver as seis diretrizes estabelecidas no 14º Congresso Brasileiro de Cooperativismo. "Trabalhamos muito fortemente na Comunicação, na Representação Institucional, no oferecimento de assessoria, consultoria e diagnósticos na questão da Gestão e Governança das cooperativas. Trabalhamos fortemente a inovação e também temos realizado encontros, reuniões, seminários que visam a participação das cooperativas no mercado e também promover a intercooperação”, afirma.  

Aos 66 anos, a OCB/GO é reconhecida cada vez mais como uma entidade que tem voz e participação direta nas decisões que influenciam os caminhos do setor produtivo goiano. Para Luís Alberto, a força institucional é fruto do aumento da percepção das pessoas em relação à entidade e da importância do cooperativismo. A consequência disso é o fortalecimento do setor em Goiás. Como conquistas institucionais, Luís Alberto cita o aumento do limite de crédito para as cooperativas agropecuárias no FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) e também a aprovação da Lei Complementar 196/2022, que moderniza Sistema Nacional de Crédito Cooperativo, por meio de articulação com o senador Vanderlan Cardoso. “Temos agora uma presença institucional muito forte nos principais fóruns de discussão de Goiás, conseguimos várias vitórias políticas”, afirma.  

Números

O número de cooperativas registradas na OCB/GO saltou de 219, em 2011, para 249 ano passado, um crescimento de 13,7% na década. E, hoje, esse número alcança 280 cooperativas registradas. O modelo de negócio cooperativista tem atraído cada vez mais os goianos. Já o número de cooperados saltou de 157,2 mil, para 382,7 mil, entre 2011 e 2021, um aumento de 143,4%, o que impacta diretamente em cerca de 1,5 milhão de pessoas em Goiás. O cooperativismo goiano também emprega mais, hoje. Em 2011, as cooperativas goianas geravam 5,3 mil empregos diretos. Já em 2021, eram 14,1 mil postos de trabalho, um aumento de 165%.  

Luís Alberto Pereira explica que paralelamente ao aumento de cooperativas registradas, o Sistema OCB/GO tem conseguido se aproximar e oferecer os seus serviços cada vez mais. Isso acontece, segundo ele, graças aos Núcleos Cooperativos Regionais, criados recentemente pela entidade. “Então, nós estamos muito felizes com o resultado que nós alcançamos nessa nossa gestão e chegamos aos 66 anos prontos para mais um salto de crescimento no cooperativismo goiano”, prevê. 

Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: