Notícias

Safra 2017/2018 deve auxiliar na recuperao econmica do Brasil

11/04/2018
soja-161017215.jpeg


As perspectivas para a safra brasileira 2017/2018 são consideradas moderadamente positivas pelo CEO da Céleres, Anderson Galvão, já que, segundo ele, os preços de várias commodities estão se sustentando por causa da ‘robusta’ demanda global. Anderson abordará o tema na Tecnoshow Comigo no dia 12 de abril, quando ministrará palestra no auditório 1 no Centro Tecnológico Comigo (CTC), em Rio Verde (GO). “Pretendo mostrar os cenários de preço e produção para a soja e milho no remanescente de 2018 e perspectivas para 2019. Além disso, falar como o produtor pode se posicionar e se planejar para aproveitar as oportunidades de mercado para sua produção”, diz. 

Anderson afirma que a safra 2017/2018 não será tão grande quanto à passada, mas ainda sim, será uma safra muito boa, garantindo renda para o produtor e auxiliando na recuperação econômica do país. “Neste ano, soja e milho certamente serão destaque, mas outras culturas como cana e café também apresentam perspectivas positivas”, acrescenta. De acordo com ele, o que tem favorecido esse cenário e o sucesso do agronegócio é a combinação de amadurecimento dos empreendimentos agrícolas e os ganhos tecnológicos. “A segurança institucional e econômica também são fatores que ajudam no sucesso da agricultura brasileira”, enfatiza. 

O que requer atenção
De acordo com ele, muitos produtores são extremamente eficientes na produção dentro da porteira, com altas produtividades, mas ainda pecam na visão gerencial do negócio, deixando de otimizar o retorno do negócio por meio de uma melhor gestão comercial e administrativa do seu negócio. “Por isso, a importância do tema de mercado, principalmente quando o agricultor está concluindo a colheita da safra verão 2017/18 e começando a se programar para a safra 2018/19”, avalia. Para esta safra, a maior preocupação do especialista é com a possibilidade da valorização do real ao longo desse ano, o que, cita Anderson, pode comprometer a renda e evidenciará algumas ineficiências da economia brasileira. 

Tecnoshow Comigo
Considerada uma das principais feiras de tecnologia rural do Brasil e a maior do Centro-Oeste, a Tecnoshow Comigo chega à sua 17ª edição, em 2018, com a expectativa de realizar mais de R$ 1,7 bilhão em negócios – recorde apresentado na edição de 2017. Realizada pela Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano (Comigo), o evento espera receber, neste ano, mais de 102 mil visitantes e 550 expositores de vários estados brasileiros e até de outros países, entre os dias 09 e 13 de abril, em uma área de 60 hectares do Centro Tecnológico Comigo (CTC), em Rio Verde (GO). 

Durante os cinco dias de evento, serão apresentadas tecnologias e novidades em máquinas, veículos e equipamentos agropecuários, insumos e resultados de pesquisas, além de demonstrações e lançamentos de novas variedades de cultivares, plots agrícolas em vários experimentos, espaço ambiental, apresentações, palestras com especialistas renomados e dinâmicas de animais. Também serão disponibilizadas linhas de crédito e financiamento voltadas ao produtor rural, por meio de instituições financeiras, e atividades diversas pensadas para todos os envolvidos no agronegócio brasileiro.


17ª Tecnoshow Comigo

Data: até 13 de abril de 2018 (sexta-feira)
Local: Centro Tecnológico Comigo (CTC) - Rio Verde – GO (Anel Viário Paulo Campos, Km 7, Zona Rural)
Horário: 8 às 18 horas
Serviço: Geração e Difusão de Tecnologias Agropecuárias, Exposição de Máquinas e Equipamentos, Palestras, Exposição de Animais e Dinâmicas de Pecuária. 
Site: www.tecnoshowcomigo.com.br | Twitter e Instagram: @tecnoshowcomigo


Fonte: Comigo

Galerias

Cooperativas

Use o campo abaixo para buscar cooperativas. Buscar

Boletins

Cadastre seu email e receba nossos boletins.
Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: