Dia C

Sobre o DIA C GOIÁS

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prêmio de Jornalismo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Vídeos sobre Ética

Vídeos sobre ética

Novo prédio OCB-GO

Novo prédio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criança

Conheça a campanha

OCB-GO 60 Anos

60 anos de História

Código de conduta ética

Conheça o Código de conduta ética

Portal de Negócios

Conheça o Portal de Negócios

Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Notícias

Sicredi Integração se une ao Sicredi Planalto Central

09/03/2015
nota3-10113169-g-712789.jpg

A Sicredi Planalto Central realizou, no dia 02 de março, em Cristalina (GO), a Assembleia Extraordinária Conjunta. O objetivo do encontro foi debater a união estratégica da Sicredi Integração, com sede em Posse (GO), à Sicredi Planalto Central. A união das cooperativas representa um marco do cooperativismo de crédito, no Estado de Goiás.

O município de Posse possui uma Unidade de Atendimento (UA) que será a décima UA da Sicredi Planalto Central. A instituição quer, ainda,  instalar mais uma UA na cidade de Mambaí (GO) e outra no distrito de Rosário, na Bahia. O objetivo das cooperativas é fundamentalmente estratégico, ao buscar unir suas atividades para ganhos de escala, aumento de participação no mercado, redução de custos, aumento de eficiência e, principalmente, agregar valor para o cooperado, razão de ser da cooperativa. 

Considerando os dados acima, é importante destacar que a “nova” cooperativa terá, a partir desta união, mais de R$ 206 milhões em ativos totais e somando-se as coobrigações prestadas e os recursos captados em poupança rural e fundos, passará a administrar mais de R$ 264 milhões. A sua carteira de Crédito será de mais de R$ 200 milhões em ativos, e o patrimônio líquido terá quase R$ 37 milhões, tendo um total de 7.865 associados no quadro social, atendidos em 10 Unidades de Atendimento (UAs). Essa integração visa à necessidade de expansão de ambas as cooperativas.

Fazem parte da área de ação da Sicredi Planalto Central, Campo Alegre de Goiás, Ipameri, Pires do Rio, Orizona, Silvânia, Luziânia, Cristalina (sede), Catalão, Santo Antônio do Rio Verde, Posse, Vianópolis, Valparaíso de Goiás, Unaí, Paracatu e Araguari, Alvorada do Norte, Campos Belos, Flores de Goiás, Formosa, Iaciara, Correntina, Jaborandi e Santa Maria da Vitória, Mambaí, São João d´ Aliança e Simolândia. 
Segundo o presidente da cooperativa Pedro Caldas, o objetivo destas cooperativas é fundamentalmente estratégico, ao buscar unir suas atividades para ganhos de escala, aumento de participação no mercado, redução de custos, aumento de eficiência e, principalmente, agregar valor para o cooperado, razão de ser da cooperativa. (Texto: Luiz Carlos Cenci)

Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: