Dia C

Sobre o DIA C GOIÁS

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prêmio de Jornalismo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Vídeos sobre Ética

Vídeos sobre ética

Novo prédio OCB/GO

Novo prédio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criança

Conheça a campanha

OCB/GO 60 Anos

60 anos de História

Código de conduta ética

Conheça o Código de conduta ética

Portal de Negócios

Conheça o Portal de Negócios

Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Cooperativismo Ilustrado

Confira todos Infocoops

Notícias

Sistema OCB/GO lamenta morte de Carlos Vieira, pai do presidente da Alego

22/02/2022
20200229150509-img-1140-1112396.JPG


Faleceu nesta segunda-feira (21), em São Paulo, o agropecuarista Carlos Vieira. Ele é pai do presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), deputado Lissauer Vieira, um dos parceiros do Sistema OCB/GO e autor de projeto de lei que propõe a instituição da Política Estadual do Cooperativismo no Estado.

Produtor rural na cidade de Rio Verde, onde construiu boa parte de sua história no agronegócio, Carlos Vieira faleceu a poucos dias de completar 82 anos. Ele estava internado no Hospital Vila Nova Star, na capital paulista, para tratamento de uma infecção.  

O velório é nesta terça-feira (22), a partir do meio-dia, na Igreja Evangélica Assembleia de Deus, que fica na Rua Costa Gomes, 1.480, no Centro de Rio Verde. O sepultamento está marcado para as 17 horas, no Cemitério São Sebastião, na mesma cidade.    

Em suas redes sociais, Lissauer divulgou vídeo em que define o pai como seu maior exemplo, grande conselheiro nas horas de incertezas e melhor amigo em todos os momentos. "Nossa ligação e seus ensinamentos ficarão para sempre. Uma parte de mim vai com ele, afinal era a minha maior fonte de inspiração e refêrencia", lamentou o presidente da Assembleia. 

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa decretou luto oficial por três dias e suspendeu o expediente no Poder Legislativo nesta terça. As atividades administrativas serão retomadas na quarta-feira (23).

Carlos Vieira era casado e pai de seis filhos, frutos de dois casamentos.  

História
Natural de Ijuí (RS), Carlos Vieira trabalhou na lavoura de arroz e milho de sua família, na zona rural, até os 18 anos. Depois, arrendou terras e atuou com cultivo de milho e soja, até começar a trabalhar com compra, venda e transporte de cereais.

Em Goiás, começou o seu legado de contribuição para o crescimento econômico do Estado em 1977. Foi um dos pioneiros na produção rural de Rio Verde, em especial, no cultivo de soja. 

Segundo amigos, Carlos Vieira teria sido um visionário a perceber o perfil que o Estado tinha para o cultivo da soja. O empresário expandiu suas atividades para o município goiano de Paraúna, em 1989. Em 1990, mudou-se definitivamente para a cidade de Rio Verde, onde residia e atuava no ramo agropecuário.

Fonte: Agência Assembleia de Notícias

Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: