Dia C

Sobre o DIA C GOIÁS

Aplicativo GCOOP

Aplicativo Gcoop

Prêmio de Jornalismo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Vídeos sobre Ética

Vídeos sobre ética

Novo prédio OCB/GO

Novo prédio OCB-GO

Cooperativa amiga da Criança

Conheça a campanha

OCB/GO 60 Anos

60 anos de História

Código de conduta ética

Conheça o Código de conduta ética

Portal de Negócios

Conheça o Portal de Negócios

Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

1° Prêmio de Jornalismo Goiás Cooperativo

Cooperativismo Ilustrado

Confira todos Infocoops

Notícias

Wolmir Amado recebe reivindicações da OCB/GO

29/09/2022
wolmiramado-13126139.jpeg

 

Candidato ao governo de Goiás, Wolmir Amado (PT) concordou nesta quarta-feira (28/9) com a reivindicação do Sistema OCB/GO de que pelo menos 20% dos recursos do FCO sejam operacionalizados pelas cooperativas de crédito. Professor e ex-reitor da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás), ele também se comprometeu, caso eleito, a trabalhar para que as cooperativas tenham acesso mais facilitado ao crédito, por meio de um fundo garantidor, e a inserir as disciplinas cooperativismo e empreendedorismo na rede estadual de ensino.

Wolmir Amado fez a visita ao Sistema OCB/GO acompanhado do candidato a deputado federal Railton Nascimento (PC do B), da coligação Brasil da Esperança, que representou a candidata ao Senado Denise Carvalho, do mesmo partido. O candidato ao governo estadual pelo PT é o terceiro a apresentar suas propostas ao cooperativismo goiano. Antes dele, foram recebidos pelo Sistema OCB/GO os candidatos Vitor Hugo (PL) e Edigar Diniz (Novo).

Após conhecerem os principais dados econômicos e o alcance social do cooperativismo em Goiás, Wolmir Amado e Railton Nascimento se mostraram sensíveis às 11 reivindicações contidas no documento “Propostas para um Goiás mais cooperativo". Os candidatos, ao fim do evento, assinaram termo de compromisso em defesa das propostas apresentadas pelo Sistema OCB/GO aos representantes dos partidos que disputam as eleições deste ano. A candidata Denise Carvalho, que não pôde comparecer por questões de saúde, recebeu posteriormente o documento e também o assinou, concordando com as reivindicações.

Wolmir Amado também se mostrou especialmente solidário à necessidade de definir com clareza o ato cooperativo, para dar maior estabilidade jurídica e previsibilidade a esse tipo de transação, e à criação de um fundo garantidor de crédito, pelo governo estadual, para dar maior segurança a micro e pequenos empreendedores goianos que necessitem de crédito para seus empreendimentos. “Acolho à sugestão que me foi apresentada de criar um fundo garantidor para que, ao invés de um empreendedor buscar um fiador para captar o crédito, ele possa dispor desse fundo a ser criado pelo governo. Compreendo a necessidade de que esse crédito possa ser alcançado pelos arranjos produtivos locais, assim como a importância de destinar uma proporção maior de recursos do crédito, sobretudo do FCO, às cooperativas de crédito”, afirmou o candidato a governador.

Professor Railton ressaltou que o fortalecimento do cooperativismo reflete diretamente no desenvolvimento da economia goiana. “Precisamos dar oportunidade aos trabalhadores e empreendedores individuais, para que eles consigam empreender com qualidade, desburocratizar, dar acesso a linhas de crédito, amparo. E aqui, no Sistema OCB/GO, existem as incubadoras, um trabalho fundamental. Queremos desenvolvimento social e econômico também, mas com distribuição de renda", destacou o candidato a deputado federal.

Luís Alberto Pereira, presidente do Sistema OCB/GO, destacou que o candidato Wolmir demonstrou conhecimento sobre o cooperativismo e se mostrou receptivo às demandas a ele apresentadas. “Essas visitas de candidatos de diferentes perfis ideológicos, que contam também com a presença de representantes das cooperativas e dos nossos colaboradores, ajudam a aumentar e aprimorar a nossa percepção da política, o que nos possibilita conhecer aqueles que têm mais aderência ao nosso modelo de negócios que é, ao mesmo tempo, socialmente justo e competitivo”, frisou.

Compartilhar

Comentar

Deixe abaixo seu comentário:      

Email

Compartilhe este artigo por email: